Blog

Criptomoedas: tudo que você precisa saber sobre as moedas digitais

Finanças

Criptomoedas: tudo que você precisa saber sobre as moedas digitais

As criptomoedas, ou moedas digitais, não saem do noticiário e diversos investidores, profissionais ou amadores, acompanham os altos e baixos das moedas diariamente. 

Para quem quer dar os primeiros passos no mundo das criptomoedas mas ainda está perdido, preparamos esse guia com tudo o que você precisa saber sobre as moedas digitais, confira! 

O que são criptomoedas?

As criptomoedas são como um tipo de dinheiro, como outras moedas com as quais convivemos cotidianamente. Com duas diferenças: elas são totalmente digitais e não são emitidas por nenhum governo. 

Elas foram descritas pela primeira vez em 1998 por Wei Dai, que sugeriu usar a criptografia para controlar a emissão e as transações realizadas com um novo tipo de dinheiro. Isso dispensaria a necessidade da existência de uma autoridade central, como acontece com as moedas convencionais.

As moedas digitais podem ser usadas da mesma forma que o dinheiro físico. As principais funções das criptomoedas hoje são: servir como meio de troca e facilitar transações comerciais; reserva de valor, para a preservação do poder de compra no futuro; e como unidade de conta, quando os produtos são precificados e o cálculo econômico é realizado em função dela. 

Mineração? Blockchain? Criptografia? WTF?

Para se aprofundar mais nas criptomoedas, é preciso entender alguns termos e processos necessários para realizar as transações. A primeira coisa que é preciso saber é que as transações realizadas são protegidas por criptografia

Como não há uma autoridade central que acompanhe as transações, elas precisam ser registradas e validadas uma a uma por um grupo de pessoas, que gravam cada uma com seus computadores no chamado blockchain

Ou seja, o blockchain, nada mais é do que um enorme registro de transações. É um banco de dados público em que consta cada nova transação – uma transferência entre duas pessoas, por exemplo – que é verificada contra o blockchain para assegurar que as mesmas moedas não tenham sido usadas por outra pessoa anteriormente. 

Transformação digital nas empresas:

Quem registra essas transações são chamados de mineradores, que em troca são remunerados com novas unidades de moedas. As criptomoedas são criadas conforme milhares de computadores conseguem resolver problemas matemáticos complexos que verificam a validade das transações incluídas no blockchain. 

Então, a mineração é o processo de criação de novas unidades de moedas digitais. Elas foram projetadas para reproduzir a extração de ouro ou outro metal precioso da terra. Somente um número limitado e previamente conhecido de bitcoins poderá ser minerado. A cada novas criptomoedas que surgem, mais difícil ficam os problemas matemáticos, exatamente para limitar o processo de mineração. 

Se aprofunde: o que é NFT e porque esse mercado vale bilhões?

Como funciona a variação de preço

Agora que você entendeu como as criptomoedas surgiram e como são mineradas, está na hora de entender como funciona a variação de preço, informação essencial para quem quer começar a investir nas moedas digitais. 

Assim como a bolsa de valores, o preço das moedas varia segundo a lei da oferta e da demanda. Quando elas ganham mais atenção, é normal que sejam mais procuradas por investidores, o que amplia o volume de compras e, consequentemente, os preços tendem a subir. 

Como há um número limitado de moedas e as novas são criadas em uma taxa previsível e decrescente, a demanda deve seguir um nível que vai manter o preço o mais estável possível. Por ser um mercado ainda pequeno, poucas operações com criptomoedas são capazes de causar um impacto relevante nas cotações. 

criptomoedas

Para se ter uma noção, o Bitcoin, principal criptomoeda do mercado, saltou de cerca de US$4.370 para US$13.800 em apenas três meses em 2017. Pouco mais de um ano depois, já havia recuado novamente para US$ 3.500. As cotações, como se vê, podem ser bastante voláteis.

Para quem sabe investir ou quer se aprofundar mais no assunto, as criptomoedas é uma ótima maneira de ganhar dinheiro e conhecer mais o mercado. Quer saber mais sobre as moedas digitais? Comenta aqui que podemos fazer mais postagens sobre o assunto.

Leave your thought here

O seu endereço de e-mail não será publicado.