Blog

Competência ou habilidade: diferenças, desafios e impactos na sua carreira

55TIPS

Competência ou habilidade: diferenças, desafios e impactos na sua carreira

Apesar de parecerem sinônimos, competência e habilidade têm significados e aplicações diferentes. E se pensarmos na área profissional, entender as diferenças e como utilizar esses dois termos a seu favor pode ser um grande diferencial. 

Se você está em busca de aperfeiçoamento e deseja expandir suas competências e habilidades, acompanhe o post até o final. Vamos conceituar os termos competência e habilidade, além de apresentar dicas para seu desenvolvimento e para se tornar um profissional do futuro. 

Diferenças

Competência

A competência é definida como a mobilização de conhecimentos e aprendizados para solucionar um problema. Ou seja, ela engloba um conjunto de coisas utilizadas de forma criativa para atender a uma demanda. 

Imagine, por exemplo, que uma pessoa deseja aprender a fazer um bolo. Na primeira vez, ela seguiu todos os passos da receita, misturando os ingredientes com o auxílio de uma batedeira. 

Um tempo depois, ela resolveu fazer outro bolo, mas pela falta de batedeira, utilizou outros instrumentos, como liquidificador ou uma colher de pau. Com isso, ela desenvolveu a competência necessária para realizar a tarefa de fazer um bolo, e conseguiu realizar toda a tarefa e até adaptar as ferramentas necessárias. 

Habilidade

Já o conceito de habilidade é transformar conhecimentos em ações para chegar a determinado objetivo. Em outras palavras, a habilidade é o grau de competência para dispor de seu conhecimento e torná-lo uma ação favorável. 

Voltando ao nosso exemplo, da pessoa que aprendeu a fazer o bolo, foi preciso habilidade para substituir a batedeira por outro instrumento, já que a falta de habilidade culinária resultaria no fracasso da tarefa. Ela não conseguiria empregar as informações de seu repertório para construir uma resposta ao novo problema. 

competência ou habilidade

Desafios para desenvolvimento e estímulos

Desenvolver competências e habilidades é essencial para acompanhar as frequentes transformações no mercado de trabalho. Diferente das gerações anteriores, que passaram anos fazendo a mesma função, no mesmo cargo e na mesma empresa, o profissional do futuro possui alta rotatividade, rápido crescimento e aumentos nos riscos

Para se dar bem nessa nova dinâmica, é preciso ir além do conhecimento formal e se adaptar com agilidade aos diferentes cenários. Essa adaptação significa aprender e treinar novas competências e habilidades, sempre se atualizando para o mercado. 

O que um profissional do futuro precisa ser?

Lifelong learner

Lifelong learner é uma pessoa que busca aprendizado ao longo da vida. Esse conceito estimula a educação contínua e sustenta a ideia de que os estímulos devem ser permanentes e não apenas durante um curto período da vida. 

Ou seja, se você quer estar preparado para as novas mudanças e se adaptar às novidades do mercado, precisa estar em constante aprendizado. A cada novo software, técnica ou até mesmo nova maneira de se trabalhar, você deve ir atrás dos conhecimentos necessários para se adaptar e estar em constante evolução. 

Buscas alternativas de microlearning

Mas relaxa que você não precisa aprender tudo sobre todas as coisas para se manter atualizado! É aí que entra o microlearning, uma abordagem de ensino que transmite pequenas doses de conhecimento em um curto espaço de tempo. 

O objetivo do microlearning é construir um conteúdo complexo através de pequenas partes, em forma de sessões de aprendizagem e que geralmente conta com o apoio de recursos multimídia, como vídeos. 

Vamos voltar à pessoa que quis aprender a fazer bolo. Ela não precisa fazer um curso completo de culinária para conseguir fazer o bolo. Pode pesquisar como fazer bolo de chocolate no YouTube, aprender a receita e, se interessar e quiser se aprofundar, procurar outros sabores ou outras receitas para continuar os estudos. 

Aprender na prática e tornar-se protagonista do seu desenvolvimento

O principal que você deve levar deste post é: não espere que a necessidade de aprender uma nova competência ou habilidade caia no seu colo para que você comece a aprender. Você precisa se tornar o protagonista da sua carreira e decidir para qual caminho vai seu desenvolvimento. 

Deve saber exatamente onde está, e onde quer chegar, para estabelecer o que precisa aprender e treinar para atingir seus objetivos. O nosso curso para empreendedores Tapa Na Cara também auxilia pessoas que querem fazer uma transição de carreira ou até definir melhor o rumo da sua vida profissional. 

Disponibilizamos todas as ferramentas do curso gratuitamente, para que você possa começar o planejamento e entender a fundo quais competências e habilidades você precisa adquirir.

ferramentas para empreendedores

Leave your thought here

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *