Blog

Ambiente de negócios: como identificar oportunidades diante de crises

55TIPS

Ambiente de negócios: como identificar oportunidades diante de crises

Em tempos de crise, é preciso ir além, buscar novas experiências, inovar e olhar para aqueles que estão triunfando. Parece papo de guru, mas essa realmente é a única opção. Saber identificar oportunidades em meio às fragilidades econômicas e às mudanças no ambiente de negócios não é uma escolha, mas uma necessidade atual. 

Podemos perceber isso se pararmos para ver todas as mudanças que tivemos que passar e como o mundo todo se adaptou de forma rápida – e sofrida – de 2020 para cá. Preparamos esse artigo para te mostrar que observar o ambiente de negócios e identificar oportunidades diante de crises é um trabalho diário. 

Como identificar oportunidades no ambiente de negócios diante de crises

Se você sempre demora para se adaptar às novas tecnologias e transformações, seja por aspectos externos ou internos do seu negócio, já passou da hora de aprender a olhar o macroambiente, identificar essas tendências e se preparar para elas, o mais rápido possível. 

Separamos três pontos cruciais para que você possa identificar essas oportunidades e se preparar para elas: macroambiente, mudanças comportamentais e parcerias. Confira! 

Olhe o macroambiente com lentes transparentes

O macroambiente é um conjunto de fatores externos que podem interferir nos rumos de uma empresa, seja para o seu crescimento ou estagnação. Como está situado fora da empresa, o macroambiente é composto de questões da esfera política, social, tecnológica, legal, entre outras. 

Uma mudança na legislação, por exemplo, pode aumentar a carga tributária da sua empresa, como falamos no artigo Reforma Tributária 2021: mudanças no ambiente de negócios e os impactos na vida de empreendedores

Saber olhar para o ambiente de negócios, perceber tendências e possíveis transformações é o necessário para enxergar oportunidades de novos negócios. Além disso, você consegue perceber mudanças que irão afetar diretamente a sua empresa e se preparar para elas. 

Saia do óbvio: não tenha medo de mudar e analisar mudanças comportamentais pós crises 

Toda crise ou mudança no ambiente de negócios gera mudanças comportamentais na população. A crise gerada pela pandemia do novo coronavírus, por exemplo, acelerou as mudanças nos nossos hábitos de consumo. Passamos a fazer mais compras online, consumir mais produtos por meio de delivery e trocamos muitos eventos externos por serviços e atividades online e dentro de casa

O comércio vai reabrir sem restrições e poderemos voltar a frequentar shopping, lojas e a fazer eventos, mas os hábitos de compra online ou pedir delivery continuaram em alta. Essa é a tendência: cada vez mais usar a internet para realizar nossas tarefas cotidianas. 

As empresas que já estavam adaptadas ao digital ou que conseguiram rapidamente abrir um ecommerce ou manter o diálogo com seus consumidores de forma online, se destacaram e tiveram mais chances de passar pela crise sem grandes problemas. 

Por isso, não tenham medo de mudar. É comum que essas mudanças comportamentais aconteçam e, em tempos de crise, elas são aceleradas e intensificadas. Busque seguir a onda e se adequar a essas transformações no ambiente de negócios. Quanto antes você conseguir se renovar, mais forte estará frente ao mercado. 

Busque parceiros que possam mitigar suas fraquezas

Estar preparado para essas mudanças não significa que você precise fazer tudo sozinho. Nessas fases, é fundamental ter o apoio da sua equipe e de parceiros para enfrentar a crise. E o ideal é buscar parceiros que possam mitigar suas fraquezas. 

Usando o exemplo anterior. Se você só percebeu a importância do marketing digital e de ter uma forte presença online quando seu empreendimento foi fechado durante a pandemia, supondo que você não entenda nada de redes sociais, procure parceiros que possam te ajudar com isso

Tenha alguém na sua empresa que possa criar canais de comunicação digitais para a empresa, ou contrate uma agência de marketing que faça isso por você. O que não dá é deixar de fazer por não possuir as habilidades necessárias para isso.

Leave your thought here

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *